Brasileiros usam apps para economizar no supermercado, mostra estudo
Publicado em 17/03/2020
Categoria: Sua Vida |
Tags: , , , , , , , , , ,
Como economizar nas compras do supermercado

A ida ao supermercado vai muito além da lista de compras. Novos hábitos de consumo têm sido notados, pois os consumidores estão cada dia mais exigentes e aproveitando as atuais tecnologias disponíveis para economizar. Os famosos apps de desconto que o digam.

Um estudo realizado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS), em parceria com o IBOPE, mediu os hábitos de consumo dos brasileiros nos supermercados entre 2018 e 2019. O instituto de pesquisa ouviu mais de dois mil brasileiros acima dos 16 anos, representando um universo de 162 milhões de pessoas de diferentes classes sociais e idades.

Um dos destaques da pesquisa “Tendências do Consumidor em Supermercados 2018/2019” foi justamente dentro de um campo no qual o Grupo Pão de Açúcar conhece bem: os apps. Segundo o estudo, 28% dos respondentes pesquisam preços por meio dos aplicativos de celular, como o Clube Extra e o Pão de Açúcar Mais. A divisão por classe social ainda mostrou o quanto esse tipo de busca se popularizou, com 28% das respostas concentradas na classe A e 29% nas classes C1, C2, D e E.

Leia também:

> Consumidores valorizam experiência além da compra, diz estudo da APAS

“Vemos um potencial incrível na internet e nos aplicativos, que representam uma parcela significante da população. Estar presente no mundo on-line é fator obrigatório para o sucesso dos supermercados”, orienta Ronaldo dos Santos, presidente da APAS.

Contudo, ainda que sejam tendência para o consumidor, do lado dos supermercadistas o investimento em apps ainda é pequeno em relação a outras áreas. Dos respondentes, apenas 7% afirmaram que adotaram essa tecnologia. Para se ter ideia, o maior percentual computado pela APAS e pelo IBOPE no quesito investimento dos lojistas foi novos sistemas de caixas e estoques com 35%.

Esse cenário, no entanto, deve mudar. Por mais que o investimento nesse tipo de infraestrutura não seja uma realidade hoje, os profissionais do setor reconhecem sua importância. Segundo o estudo divulgado pela APAS, os supermercadistas acreditam que inovações tecnológicas, como adoção de aplicativos, caixas com autoatendimento e instalação de chips em todos os produtos – permitindo que o cliente não tenha que passar item a item pela leitora de preços – sejam o futuro do setor.

Compartilhe